O agronegócio é um dos setores com maior força no Brasil e os produtos derivados são de grande destaque no mercado global. Sendo assim, o setor precisa estar alinhado com novas tecnologias e a realidade econômica ao redor do mundo.

Dessa forma, o agronegócio brasileiro tem apresentado um crescimento bastante expressivo nas últimas décadas. 

Para se ter uma ideia da força que o setor agro tem, o mercado de grãos aumentou a sua produção em 340% durante o período de 40 anos, passando de 51 para 251 milhões de toneladas. 

Essas e outras informações são fornecidas pela Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB) e demonstra que o agronegócio brasileiro além de alimentar pessoas ao redor do mundo, também mantém uma regularidade de exportação.

Trazendo todo esse contexto, preparamos esse artigo para demonstrar as tendências do agronegócio para o restante de 2022.

Boa leitura.

Agronegócio manteve a força durante a pandemia

Mesmo durante a pandemia de covid-19, o agronegócio teve forte expansão durante o período de incertezas na economia. 

O Brasil se consolidou como maior exportador de produtos agropecuários do mundo mesmo durante o período conturbado pela doença do coronavírus.

No início da pandemia, muitos países importaram produtos brasileiros para garantir a alimentação de seu povo e reforçar seus estoques de matérias-primas, foi a oportunidade perfeita para o aumento da oferta e expansão dos negócios.

Para se ter ideia, no primeiro ano de pandemia o agronegócio teve a participação de 26,6% no PIB brasileiro em 2020.

Mas e agora, quais as tendências para o crescimento do setor?

Tendências para o agronegócio 2022

O setor do agronegócio teve forte crescimento nos últimos anos, mas também é verdade que fatores climáticos são um grande desafio e às vezes um percalço na realidade dos produtores.

Até mesmo fatores políticos como a guerra na Rússia, podem afetar o mercado agro.

Sendo assim, é importante estar sempre alinhado com as principais tendências de mercado de acordo com os acontecimentos globais para garantir os melhores resultados na hora de vender o que foi produzido.

Veja a seguir algumas dessas tendências.

Softwares de gestão

Produtores rurais precisam ter a tecnologia ao seu favor para tirar o melhor proveito da sua produção. A utilização de softwares de gestão torna-se uma estratégia fundamental para avaliar os dados e analisar informações em tempo real do seu negócio.

Por exemplo, é possível medir a gestão de combustível da sua frota de máquinas, com o software de gestão da CTA Smart e acessar as informações através de servidores na nuvem de qualquer lugar que estiver, seja pelo computador ou celular.

Muitos produtores também adotam softwares para controle de gestão da sua colheita, diminuindo as chances de prejuízos e maximizando o seu faturamento.

Boas práticas de ESG, sustentabilidade na produção agrícola

A pauta sobre sustentabilidade está cada vez mais presente ao redor do mundo, tendo a sigla ESG (Environmental Social Governance) para representar as melhores práticas nas esferas ambiental, social e de governança. 

Grandes empresas já se comprometeram em realizar ações que estejam dentro das boas práticas da ESG e movimento semelhante será uma tendência para o agronegócio brasileiro e também um grande desafio.

Para se tornar sustentável é preciso buscar modelos de cultivo que consumam que economizem recursos básicos como água e energia elétrica. Além disso, está dentro do contexto uma gestão mais eficiente dos insumos, como fertilizantes e derivados. Além da redução de gastos e do impacto ambiental, a produção se torna mais consistente.

Certificações para exportação agrícola

Por mais que o agronegócio esteja em alta e tenha suportado bem os tempos de pandemia, a verdade é que a economia mundial passa por uma forte crise econômica e por isso é crucial manter os níveis de exportação.

Se qualificar e ter as ‘certificações verdes’, que nada mais são do que os selos de garantia de produção sustentável que estão cada vez mais requisitados.

O mercado internacional aumentou a preocupação com impactos ambientais, mostrando-se  bastante alerta e preocupado com compromissos globais da Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas de 2021 (COP-26).

Dessa forma, estar alinhado com boas práticas ambientais com foco na exportação, certamente seguirá como uma das tendências do agronegócio nos próximos anos.

Realize a gestão de abastecimento de Máquinas Pesadas para Agronegócio

O Brasil é um país com grande força no setor do agronegócio, as tendências para 2022 seguem demonstrando que existe um potencial de crescimento ainda maior, apesar da crise econômica.

Preocupar-se com questões ambientais através de ações que contemplem a ESG são importantes, principalmente para quem pensa na exportação de seus produtos.

Além disso, realizar uma boa gestão de combustível do seu maquinário, passa por uma estratégia de negócios que pode gerar economia e impacto ambiental positivo.

A CTA Smart é especialista em soluções para gestores de frotas e profissionais que se preocupam com a transformação digital em seus negócios, através da gestão de combustíveis.

Fale com o nosso time comercial e saiba como o seu negócio pode se beneficiar através de soluções inteligentes.