Juntamente com o combustível, os pneus representam os maiores gastos em veículos, de pequeno e grande porte. Os pneus são essenciais na dirigibilidade e estabilidade dos caminhões, assegurando a aderência com o solo e o contato. 

As oscilações de temperatura que temos visto no Brasil são um ponto de atenção que exige mais cuidado, especialmente com o calor. O clima não influencia a pressão dos pneus, apesar de deixarem o ar mais espaçado em altas temperaturas. Porém, no momento de calibrar, os pneus devem estar frios, ou seja, o caminhão não pode ter percorrido mais do que 3km nas últimas duas horas. Caso isso não seja possível, o ideal é aguardar um momento com o caminhão parado antes de calibrar.

No calor, é comum que os pneus sejam influenciados, assim como o consumo de combustível. É necessário que o pneu ofereça boa aderência no solo quente ou molhado, garantindo, assim, mais segurança e uma melhor dirigibilidade na estrada. Uma boa dica é observar se algum pneu apresenta bolhas, pois isso é indicativo de que não irá suportar as altas temperaturas.

 

Depois do trajeto

Quando descarregamos um caminhão, a pressão deve ser verificada novamente. Isso porque, com o veículo sem carga, a alta pressão começa a impactar nos pneus. 

É preciso observar a capacidade máxima de peso por pneu, como também respeitar os limites de pressão descritos em seu costado.

A principal recomendação é verificar a pressão dos pneus com frequência (no menor intervalo possível), sempre calibrá-los antes da utilização e ainda frios. 

 

Além dos pneus, como economizar?

Com os pneus em dia, você já economiza bastante na gestão de frota. Porém, como falamos no início, o maior custo além dos pneus é com o combustível. 

Quando se gerencia o abastecimento a economia aparece a curto prazo, mostrando que a inteligência tecnológica auxilia inclusive no orçamento. O CTA Smart, nosso sistema, mensura o seu abastecimento por veículo, mostrando o consumo e a durabilidade do tanque de cada um dos caminhões de sua frota. 

A partir de relatórios periódicos você estima o quanto cada veículo gasta em combustível, ajudando na consolidação de dados que podem apontar no gerenciamento de risco quais são os índices de poluentes de cada um, consumo estimado e custos. 

O sistema pode ser integrado com qualquer ERP e os relatórios podem ser exportados em txt e excel. Conheça mais do CTA Smart e tenha em mãos a melhor ferramenta para gerenciar e diminuir riscos com o controle de abastecimento.

marketing CTA SMART
Coo