Smart News – Boletim semanal

Olá, leitor! Chegamos com mais uma edição do Smart News por aqui. O seu boletim semanal atualizado sobre tudo que aconteceu de mais relevante durante os dias 25 a 30 de junho.

Por aqui, todas as sextas-feiras, ao meio dia, reunimos os fatos mais importantes da semana dos setores de:

  • Transportes de diversos segmentos;
  • Logísticas;
  • Tecnologias;
  • Economia;
  • Agronegócio.

Fique de olho no nosso balanço semanal e tenha a informação na palma da sua mão através do nosso Instagram e Linkedin !

Smart News, a semana resumida, a informação completa.

Boa Leitura!

Plano Safra é apresentado nesta terça-feira (27) e foca na sustentabilidade

Programa vai destinar mais de 364 bilhões de reais à atividade agropecuária. Os recursos são destinados para produtores enquadrados no Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp).

O projeto foi lançado na manhã de terça-feira, em Brasília, pelo atual Presidente da República. O programa irá disponibilizar R$364 bi para financiamentos e créditos ao setor do agronegócio, especialmente para os médios e grandes produtores. Este valor é 27% maior do que o entregue anteriormente, e, de acordo com nota oficial divulgada no site do Governo Federal, o Plano Safra 2023/2024 buscará incentivar o fortalecimento dos sistemas de produção ambientalmente sustentáveis, com redução das taxas de juros para recuperação de pastagens e premiará  os produtores rurais que adotam práticas agropecuárias consideradas mais sustentáveis. 

Os benefícios para os agricultores cadastrados do CAR (Cadastro Ambiental Rural) poderão chegar até 1 ponto percentual na taxa de juros de custeio caso entrem no Programa para Financiamento a Sistemas de Produção Agropecuária Sustentáveis (RenovAgro) – antigo Programa ABC – e/ou demais programas já disponibilizados. 

Fonte: gov.br

Etanol: preço cai em 24 estados e DF, segundo levantamento da ANP

Preço médio do biocombustível caiu 0,8% nesta semana em relação à anterior, de R$3,77 para R$3,74 o litro. Menor preço registrado foi de R$2,99 em SP.

Segundo um levantamento realizado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), os preços médios do etanol hidratado apresentaram queda em 24 estados e no Distrito Federal, enquanto aumentaram em dois estados (Alagoas e Roraima) durante a semana de 18 a 24 de junho.

De acordo com a CNN Brasil, a média nacional do preço do etanol nos postos pesquisados pela ANP registrou uma queda de 0,80% em relação à semana anterior, passando de R$3,77 para R$3,74 por litro. No estado de São Paulo, que é o principal produtor e consumidor de etanol e onde a maioria dos postos foi avaliada, a média de preços apresentou uma redução de 0,55% na semana, indo de R$3,63 para R$3,61. 

A maior queda percentual ocorreu no Amapá, com uma redução de 4,18%, passando de R$5,26 para R$5,04 por litro. Já o maior aumento percentual na semana foi registrado em Roraima, onde o preço do etanol subiu de R$5,04 para R$5,39, representando um aumento de 6,94%.

O preço mínimo registrado durante a semana para o etanol em um posto foi de R$2,99 por litro, em São Paulo, enquanto o maior preço estadual, de R$6,73, foi registrado no Rio Grande do Sul, diz UOL.

Fonte: ANP, CNN Brasil, UOL

Volkswagen anuncia paralisação em fábricas por “estagnação do mercado”

Montadora interrompeu a produção de todos os carros em São José dos Pinhais (PR), São Bernardo do Campo e Taubaté (SP). Layoffs e férias coletivas também foram comunicadas.

A suspensão nas três fábricas foi divulgada pela Volkswagen nesta terça-feira (27) mesmo com o incentivo fiscal do Governo. De acordo com o Portal Terra, a montadora justifica a “estagnação do mercado” como causa para a medida tomada. 

A fábrica paraense – que produz o T-Cross – está com um dos turnos de produção em layoff, e a duração deve ser de 2 a 5 meses para retomada. Outro turno suspendeu a produção até o dia 30 de junho (sexta-feira). Já em Taubaté-SP, os dois turnos foram suspensos (26/06 a 30/06), com um esquema em banco de horas.

Em São Bernardo do Campo, a produção será interrompida a partir do dia 10 de julho, quando um recesso de dez dias será realizado nos dois turnos de produção. De acordo com o G1,  a  fabricante alemã diz que “todas as ferramentas de flexibilização estão previstas em Acordo Coletivo firmado entre o sindicato e colaboradores da Volkswagen”. 

Segundo o Auto Esporte, os recursos de créditos disponíveis para as montadoras são de R$500 milhões, dos quais 90% já foram utilizados desde o anúncio da medida de incentivo. Caso as fabricantes sigam pedindo créditos nesse ritmo, é provável que o montante se esgote antes mesmo da abertura das vendas de automóveis e comerciais leves para locadoras, prorrogada em 15 dias.

Fonte: Portal Terra, G1, Auto Esporte

Transposul teve 20 mil visitantes e movimentou R$1,5 bi em negócios

Maior evento de transporte e logística do sul do país gerou meio bilhão de reais a mais que a edição do ano passado e reuniu mais de cem expositores na FIERGS, em Porto Alegre. 

Ocorrido entre os dias 20 a 23 de junho, o evento se consolidou com uma das maiores feiras expositoras do Brasil. O Centro de Eventos da FIERGS teve a circulação de 20 mil visitantes durante os quatro dias de exposições e reuniu empresas dos ramos de transporte, logística e tecnologias. De acordo com o Jornal do Comércio, os números foram apurados pela Setcergs (Sindicato das Empresas de Transportes de Carga e Logística do Rio Grande do Sul). Em nota, para o presidente da Setcergs, Sérgio Mário Gabardo, “estamos vivendo um momento desafiador no transporte, mas também de muita inovação”, relata.

A feira reuniu grandes grupos de montadoras, como Scania, Volkswagen e Iveco. Segundo o presidente da TranspoSul 2023, Roberto Machado, “os expositores estavam satisfeitos e com ótimos negócios. A parte da tecnologia e inovação está inserida dentro do transporte de cargas, que vem para colaborar com o meio ambiente, na redução de poluentes e, também, na parte da segurança na rodovia, onde o objetivo é até 2050 chegar a zero acidentes dentro do segmento de transporte de cargas”, relatou para o Grupo Independente.

Quem também esteve presente no última dia da feira foi o prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo, que comemorou “essa grande movimentação positiva para economia da cidade”

Fonte: Jornal do Comércio, Grupo Independente

Até a próxima semana!

NAVEGAÇÃO RÁPIDA

Posts Relacionados

4  Desafios da Gestão de Combustível em Construção Civil Notícias

4  Desafios da Gestão de Combustível em Construção Civil

Em empresas do setor da construção civil, o consumo mensal de combustível é altíssimo. Para que tenha uma base, as organizações usam mensalmente 50 mil, 150 mil e […]

CONTINUE LENDO
Gestão de Abastecimento: Automação x Manual Notícias

Gestão de Abastecimento: Automação x Manual

A automação na gestão de abastecimento da frota de veículos traz muitas dúvidas, principalmente quando comparada com a forma manual. Isso porque o controle do abastecimento interno tem […]

CONTINUE LENDO

Inove a gestão da sua frota e começa a economizar diesel Hoje mesmo

FAÇA UM ORÇAMENTO