Smart News – Boletim semanal

Olá, leitor! Chegamos com mais uma edição do Smart News por aqui. O seu boletim semanal atualizado sobre tudo que aconteceu de mais relevante durante os dias 24 a 29 de setembro.

Por aqui, todas as sextas-feiras, ao meio dia, reunimos os fatos mais importantes da semana dos setores de:

  • Transportes de diversos segmentos;
  • Logísticas;
  • Tecnologias;
  • Economia;
  • Agronegócio.

Fique de olho no nosso balanço semanal e tenha a informação na palma da sua mão através do nosso Instagram e Linkedin !

Smart News, a semana resumida, a informação completa.

Boa Leitura!

ANTT divulga calendário de renovação do Registro Nacional de Transportes

O registro é uma forma de regular a atividade de transporte no Brasil, seja para empresas ou para motoristas autônomos.

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) divulgou o calendário para a renovação do Registro Nacional de Transportes Terrestres de Carga (RNTRC), obrigatório desde 2009 no Brasil. O registro é essencial para regular a atividade de transporte e garantir que os prestadores de serviços atendam aos requisitos necessários. Transportadores autônomos, empresas de transporte e cooperativas que possuem registros ativos, pendentes ou suspensos devem seguir os procedimentos de revalidação de acordo com o calendário estabelecido:

Cooperativa de Transporte de Carga (CTC) – De 27/03/2023 até 21/01/2024

Empresa de Transporte de Carga (ETC) – De 02/05/2023 até 26/02/2024

Transportador Autônomo de Carga (TAC) – De 27/05/2023 até 22/03/2024

Segundo o Estadão, a revalidação é crucial, pois aqueles que não a realizarem terão seus registros suspensos, o que os impedirá de realizar o transporte remunerado de cargas. Além disso, o RNTRC protege os embarcadores e clientes ao assegurar que os prestadores de serviço cumpram os requisitos necessários. 

O registro pode ser feito gratuitamente pelo transportador no site do RNTRC Digital,

Fonte: Estadão

Produção primária florestal atingiu recorde de produção em 2022

Quase um terço do valor da produção da silvicultura no país é gerado em Minas Gerais, que atingiu o montante de R$ 7,5 bilhões no ano passado.

Em 2022, o valor da produção primária florestal no Brasil atingiu um recorde de R$ 33,7 bilhões, representando um aumento de 11,9% em relação ao ano anterior, de acordo com a pesquisa Produção da Extração Vegetal e da Silvicultura (PEVS 2022) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Segundo o Globo Rural, este foi o terceiro ano consecutivo de crescimento na produção primária florestal. A taxa de expansão foi menor em comparação a 2021, quando foi de 27,1%.

No Brasil, 4.884 municípios estão envolvidos em atividades de produção florestal, incluindo silvicultura (cultivo de madeira de florestas plantada, eucalipto e pinus, para fins comerciais) e extração vegetal (coleta de recursos de florestas nativas, como madeira e alimentos).

A silvicultura representou a maior parte desse valor em 2022, contribuindo com 81,5% da produção florestal total. Desde 2000, a silvicultura tem gerado mais valor do que a extração vegetal. O setor de silvicultura cresceu 14,9%, atingindo R$ 27,4 bilhões, enquanto o crescimento na extração vegetal foi mais modesto, com apenas 0,2%, totalizando R$ 6,2 bilhões.

Fonte: Globo Rural

Chuva dá trégua no RS, contudo o Guaíba segue com nível elevados

O rio ultrapassou a marca histórica de 2015 e atingiu 3,17 metros nesta quarta-feira. Mais de 180 pessoas ficaram desalojadas.

Apesar das fortes chuvas, nesta quinta-feira (28), momentos de sol entremeado por nuvens foram vistos em Porto Alegre e em grande parte do interior do Rio Grande do Sul. Essa configuração atmosférica é o resultado da presença de uma área de alta pressão na região, proporcionando um dia agradável. Após o vento Sul ser responsável pelo aumento significativo do nível do Guaíba, levando a maior cheia no Cais Mauá desde a enchente de 1941 na quarta-feira (27), o vento mudou de direção, soprando do Leste no Norte da Lagoa dos Patos. Essa alteração na direção do vento contribuirá para a redução do nível da água na capital.

No entanto, é importante destacar que o Guaíba permanecerá em um nível extremamente elevado e em estado de inundação, mantendo-se neste patamar nos próximos dias. Existe preocupação em relação a um possível episódio de vento Sul no fim de semana, embora a previsão indique que ele será menos intenso. Não há informações de lavouras afetadas pela cheia na Zona Metropolitana da Capital, indica o Correio do Povo.

Quanto às temperaturas em Porto Alegre para esta sexta-feira, de acordo com a MetSul, espera-se uma mínima de 14ºC e uma máxima de 24ºC.

Fonte: MetSul Meteorologia, Correio do Povo

NAVEGAÇÃO RÁPIDA

Posts Relacionados

Segurança e controle: como a automação da CTA Smart contribui na Gestão de Abastecimento Gestão de Frota

Segurança e controle: como a automação da CTA Smart contribui na Gestão de Abastecimento

A automação na gestão de abastecimento interno representa um avanço na administração da frota. Com o sistema, a sua empresa terá maior segurança e controle do diesel utilizado […]

CONTINUE LENDO
Como a Gestão de Abastecimento do Caminhão Comboio Impacta na Produtividade Gestão de Frota

Como a Gestão de Abastecimento do Caminhão Comboio Impacta na Produtividade

Descubra como a tecnologia de automação pode impactar positivamente na gestão de abastecimento por caminhão comboio. 

CONTINUE LENDO

Inove a gestão da sua frota e começa a economizar diesel Hoje mesmo

FAÇA UM ORÇAMENTO