Smart News – Boletim semanal

Olá, leitor! Chegamos com mais uma edição do Smart News por aqui. O seu boletim semanal atualizado sobre tudo que aconteceu de mais relevante durante os dias 21 a 26 de maio.

Por aqui, todas as sextas-feiras, ao meio dia, reunimos os fatos mais importantes da semana dos setores de:

  • Transportes de diversos segmentos;
  • Logísticas;
  • Tecnologias;
  • Economia;
  • Agronegócio.

Fique de olho no nosso balanço semanal e tenha a informação na palma da sua mão através do nosso Instagram e Linkedin !

Smart News, a semana resumida, a informação completa.

Boa Leitura!

Governo Federal declara estado de emergência após 8 casos de gripe aviária no país

Até a data da apuração do Smart News (23), os 8 incidentes foram confirmados no Espírito Santo e no Rio de Janeiro. Medida é adotada para impedir que a doença chegue ao comércio de aves.

Em edição extra do Diário Oficial da União (DOU), o Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa) declarou nesta segunda-feira (22), o estado de emergência zoossanitária em todo o território nacional por 180 dias, devido ao aumento do número de casos da Influenza aviária (H5N1) em aves silvestres. Além disso, a portaria 572, de 29 de março de 2023, que proíbe a realização de eventos com grande concentração de aves e a criação de aves em áreas externas sem telas de proteção, também foi prorrogada por tempo indeterminado.

“A declaração de estado de emergência zoossanitária possibilita a mobilização de verbas da União e a articulação com outros ministérios, organizações governamentais – nas três instâncias: federal, estadual e municipal – e não governamentais. Todo esse processo é para assegurar a força de trabalho, logística, recursos financeiros e materiais tecnológicos necessários para executar as ações de emergência visando a não propagação da doença”, afirmou em nota, o Ministro Carlos Fávaro.

Casos confirmados

Até a data desta apuração (23), foram registrados oito casos confirmados de aves silvestres infectadas, sendo sete no estado do Espírito Santo e um no Rio de Janeiro. As espécies são Thalasseus acuflavidus (trinta-réis de bando), Sula leucogaster (atobá-pardo) e Thalasseus maximus (trinta-réis real).

De acordo com  o Canal Rural, o Mapa está emitindo um alerta à população para que não tente recolher ou manipular as aves encontradas doentes ou mortas. Em vez disso, é recomendado entrar em contato com o serviço veterinário mais próximo para evitar uma possível propagação da doença.

Fonte: Globo Rural, Canal Rural, DOU

Novos radares são instalados nas rodovias administradas pela Eixo-SP

Aparelhos de fiscalização começam a operar a partir da meia noite do dia 24 de maio. Ao todo, são 13 radares nas seis rodovias da concessionária. 

Conforme nota divulgada pelo Eixo-SP, 13 novos radares foram instalados nas rodovias que cortam o estado de São Paulo, em ambos os sentidos. Segundo o G1, a maior parte dos equipamentos foram instalados na Rodovia Washington Luís (SP-310), nos trechos de Cordeirópolis, Rio Claro e Santa Gertrudes, sendo nesta última apenas um radar. Os demais foram dispostos nos dois sentidos das rodovias: Luiz de Queiroz (SP-304), Comandante João Ribeiro de Barros (SP-225), César Augusto Sgavioli (SP-261), Irineu Penteado (SP-191) e  Assis Chateaubriand (SP-425). 

A instalação dos aparelhos foi autorizada pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e a concessionária ainda aguarda a homologação para mais unidades, diz Estadão.

De acordo com a coordenadora de Segurança Viária da Eixo SP, Viviane Riveli de Carvalho, a instalação e operação dos equipamentos são requisitos estabelecidos pelo contrato de concessão e desempenham um papel crucial na segurança dos usuários, uma vez que fiscalizam o cumprimento dos limites de velocidade na rodovia. Você pode conferir os locais exatos das novas fiscalizações eletrônicas no site oficial da concessionária.

Fonte: Eixo-SP, Estadão, G1

Texto-base do novo arcabouço fiscal é aprovado na Câmara dos Deputados

A medida prevê a substituição do atual teto de gastos. O governo busca aprimorar as contas públicas e viabilizar maiores investimentos por meio da implementação de novas regras. Caso aprovada, ela ainda passará pelo Senado antes de ser sancionada.

Na noite desta terça-feira (23), a Câmara dos Deputados aprovou o texto-base para o novo arcabouço fiscal, medida que substitui o teto de gastos. Na quinta-feira (25) a Casa deve finalizar os últimos detalhes da proposta e enviar ao Congresso, onde pode passar por comissões ou seguir diretamente ao plenário. Se aprovada pelo Senado, o presidente Luis Inácio Lula da Silva estará apto a sancionar a nova âncora fiscal do governo e publicar no Diário Oficial da União (DOU).

Segundo a BBC, em linhas diretas, o novo plano fiscal derruba o chamado teto de gastos do ex-presidente Michel Temer em 2016 – que limita as despesas do governo – e passa a estabelecer que os gastos só poderão aumentar até 70% do crescimento da arrecadação. Isso significa que, por exemplo, se a arrecadação aumentar 1%, as despesas do governo só poderão ter um incremento de 0,7%. Além disso, foi estabelecido um intervalo fixo para o crescimento dos gastos governamentais. Esse intervalo varia de 0,6% a 2,5% nos cenários em que houver um aumento significativo da arrecadação, dessa forma, o governo busca evitar um crescimento excessivo dos gastos em períodos de maior entrada de recursos, garantindo uma gestão mais responsável e sustentável.

Mas como isso impacta a população?

De acordo com “O Globo”, diante de uma perspectiva favorável para as contas públicas, o Banco Central poderá iniciar uma redução na taxa Selic, que atualmente está em 13,75%. A diminuição dos juros terá um impacto positivo no consumo de bens que requerem financiamento, como imóveis, automóveis e eletrodomésticos. Além disso, há expectativas de que o projeto fiscal estimule investimentos estrangeiros na economia brasileira, resultando em um aumento do fluxo da moeda estrangeira, o que pode gerar uma valorização do real em relação ao dólar americano. Essas mudanças têm o potencial de impulsionar o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB), o que resultará em maior geração de empregos e renda para a população.

Fonte: G1, BBC, O Globo

Governo anuncia corte de impostos para carros até 120 mil reais

Após reuniões com representantes do setor automotivo, o vice-presidente Geraldo Alckmin fez o anúncio da redução. O Smart News já havia apurado o estuda na medida no boletim anterior.

Durante a tarde desta quinta-feira (25), o vice-presidente e ministro de Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços, Geraldo Alckmin, anunciou a redução do imposto de IPI e PIS/Cofins para veículos no valor de até 120 mil reais. O pacote de medidas visa alavancar a produção no Brasil e baratear os valores dos carros zero quilômetro.

Após reunião com o presidente Lula, em entrevista coletiva,  Alckmin previu que a redução pode variar entre 1,5% a 10,79% de acordo com o preço do carro, eficiência energética e densidade industrial. De acordo com ele, está sendo estudada a possibilidade de permitir a venda direta de carros a pessoas físicas. Atualmente, essa modalidade de venda é restrita apenas a CNPJs, sendo comumente utilizada por locadoras e empresas de frete devido à exclusão de custos logísticos e margens de lucro das concessionárias. 

Segundo UOL, o presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), Márcio Lima Leite, se diz satisfeito com a nova medida e afirma ser possível reduzir os preços dos carros populares abaixo da linha dos 60 mil reais. “Com as reduções tributárias em discussão e o esforço conjunto de todo setor, é bem possível que tenhamos queda nos preços”, enfatiza.

Atualmente, o preço de entrada do Renault Kwid, carro mais barato no mercado nacional, é de cerca de R$ 68 mil. Esse valor equivale a mais de 50 salários mínimos (hoje em R$1.320). 

Fonte: UOL, G1

Até a próxima semana!

NAVEGAÇÃO RÁPIDA

Posts Relacionados

Segurança e controle: como a automação da CTA Smart contribui na Gestão de Abastecimento Notícias

Segurança e controle: como a automação da CTA Smart contribui na Gestão de Abastecimento

A automação na gestão de abastecimento interno representa um avanço na administração da frota. Com o sistema, a sua empresa terá maior segurança e controle do diesel utilizado […]

CONTINUE LENDO
Como a Gestão de Abastecimento do Caminhão Comboio Impacta na Produtividade Notícias

Como a Gestão de Abastecimento do Caminhão Comboio Impacta na Produtividade

Descubra como a tecnologia de automação pode impactar positivamente na gestão de abastecimento por caminhão comboio. 

CONTINUE LENDO

Inove a gestão da sua frota e começa a economizar diesel Hoje mesmo

FAÇA UM ORÇAMENTO